Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:2a90655a-ba6c-4dc9-ab50-b30514d274f0


Mundo ► Fenómenos Naturais

O vulcão Eden Patera: no centro (a cinzento) está a zona mais profunda da caldeira vulcânica. Foto: NASA/JPL/GSFC/Universidade Estadual do Arizona
13-10-2013 00:00
 
Marte terá tido supervulcões no início da sua formação

Algumas das enormes crateras existentes numa região planáltica de Marte poderão ser, afinal, o resultado da erupção de supervulcões, concluiu um estudo recentemente publicado na revista Nature, e liderado pelo investigador Joseph Michalski, do Museu de História Natural de Londres.

Enquanto analisava a depressão de Eden Patera, localizada no planalto Arabia Terra, no hemisfério Norte do planeta, Joseph Michalski verificou que lhe faltavam algumas características típicas de uma cratera de impacto de um meteorito, como o formato aproximadamente circular, a borda elevada e as elevações centrais, mas apresentava características de uma caldeira vulcânica.

Confrontado com estas questões, o investigador consultou o vulcanólogo Jacob E. Bleacher, do Centro de Voos Espaciais Goddard da NASA, que detectou sinais de escorrência de lava, fendas formadas pelo movimento do magma abaixo da superfície e vários colapsos que levaram à formação da caldeira vulcânica. Afinal, Eden Patera é um gigantesco vulcão antigo. Esta descoberta alertou os cientistas para a possibilidade de outras depressões, classificadas como crateras de impacto, serem efectivamente caldeiras de supervulcões que terão estado activos há mais de 4000 milhões de anos na superfície marciana.

Os supervulcões são grandiosos não pelo seu tamanho (não formam cones muito grandes), mas pela potência das suas explosões e pela quantidade de materiais expelidos (lava, cinzas e fragmentos rochosos). Em Marte, como na Terra, as erupções destes supervulcões terão afectado o clima, a composição da atmosfera e a evolução do próprio planeta. Os investigadores acreditam que os materiais expelidos poderão ter arrefecido o planeta por bloquearem a chegada ao solo da radiação solar. Mas, por outro lado, a emissão de gases pelo vulcão com efeito estufa teria contribuído para o aquecimento de Marte.

Segundo os cientistas, estas descobertas poderão ser testadas pelo robô Curiosity, que está a explorar o "planeta vermelho" e dirige-se agora para uma grande montanha no meio de uma cratera no equador de Marte.


Fontes


BBC Brasil
Público
Notícias ao Minuto
Veja

Informação Relacionada


Imagens Adicionais


Anexos



Notícias Relacionadas


Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:2a90655a-ba6c-4dc9-ab50-b30514d274f0
Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.