Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:bb494cea-fc0e-46bb-bafe-7fe61305e4e4


Mundo ► Ciência

 
24-08-2017 15:50
Moçambique
Paleontólogos luso-moçambicanos descobrem em Moçambique a maior floresta fossilizada de África

​Foi descoberta na província de Tete, em Moçambique, a mais extensa floresta fossilizada do continente africano e do período Pérmico. A descoberta anunciada, esta quinta-feira,  pelo português Ricardo Araújo, paleontólogo do Instituto Superior Técnico e do Museu da Lourinhã, e por Nelson Nhamutole e Dino Milisse, dois paleontólogos do Museu de Geologia de Moçambique, é considerada surpreendente para a comunidade científica, tendo em conta os achados de troncos fossilizados de grandes dimensões e densamente povoados ao longo de mais de 75 quilómetros. 
 
Segundo o português, estes troncos, muitos com mais de 12 metros de altura teriam na época o triplo da altura, e dois metros de diâmetro. “Esta descoberta contribui para o conhecimento de como eram as florestas num período imediatamente antes à extinção de mais de 95% da vida na terra, em que ecossistemas ficaram totalmente destruídos”.
 
Esta é agora considerada a floresta fossilizada mais extensa do período Pérmico até agora encontrada em África, com cerca de 250 milhões de anos. Os paleontólogos acreditam que se tratam de troncos que pertencem ao género de árvores “Dadoxylon”, uma classificação antiga que engloba diversas espécies diferentes. Um estudo mais aprofundado do material fossilizado encontrado, poderá não só confirmar a hipótese de que pertence a este género, como também, e mais importante, determinar novos géneros e novas espécies botânicas. De acordo com o paleontólogo português, com o potencial de existirem novos géneros e novas espécies, haverá necessidade de realizar uma reclassificação do que já é conhecido.
 
A expedição durante a qual foi realizada a descoberta decorreu entre 29 de julho e 17 de agosto, foi realizada no âmbito de uma cooperação entre o Museu de Geologia de Moçambique, o Instituto Superior Técnico e o Museu da Lourinhã, e permitiu descobrir três novos locais que ainda não se encontravam na rota da paleobotânica de Moçambique, e revisitar outros dois.
 
Moçambique é o país do mundo com mais registos de florestas fossilizadas do Pérmico, encontrando-se entre as seis áreas do mundo com mais registos de troncos fossilizados juntamente com África do sul, Namíbia, Brasil, Antártida e Zâmbia.


Fontes


RTP Notícias
CM

Informação Relacionada


Imagens Adicionais


Anexos



Notícias Relacionadas


Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:bb494cea-fc0e-46bb-bafe-7fe61305e4e4
Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.