Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/publicacoes. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/publicacoes. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:2d3be5f7-247b-4339-84aa-25dfb11d82b8


Teses ► Mestrado

 

Referência Bibliográfica


COSTA, A. (2006) - Atlas hidrogeológico das águas minerais dos Açores. Dissertação de Mestrado em Vulcanologia e Riscos Geológicos, Universidade dos Açores, 146p.​

Resumo


O Arquipélago dos Açores, dado o seu contexto geológico e geodinâmico, dominado pela proximidade à junção tripla definida pelas placas litosféricas Americana, Euro-asiática e Africana, de que resulta intensa actividade sísmica e vulcânica, é uma região privilegiada no que concerne à ocorrência de águas minerais, as quais podem ser alvo de vários tipos de utilização.

 

As águas minerais podem ser utilizadas para fins terapêuticos, para engarrafamento, através do seu aproveitamento industrial, para a exploração geotérmica de alta e de baixa entalpia, assim como alvo de actividades recreativas distintas. Outros interesses relacionam-se com a investigação da composição química das águas minerais, no âmbito da pesquisa e prospecção de recursos geotérmicos, ou em programas de monitorização da actividade vulcânica, no sentido de se identificarem alterações nos elementos e nas razões químicas consideradas como possuindo uma assinatura vulcânica, eventualmente indicadoras da reactivação do sistema vulcânico.

 

Neste contexto, considerando a múltipla utilização das águas minerais e a relação da sua ocorrência com o vulcanismo activo, bem como o ressurgimento da respectiva importância económica, promoveu-se a elaboração do presente trabalho, do qual resulta o Atlas Hidrogeológico das Águas Minerais dos Açores.

 

No presente documento procura-se compilar e sintetizar toda a informação recolhida no âmbito do estudo das águas minerais do arquipélago, no sentido de caracterizá-las e representá-las espacialmente, evidenciando a importância que os locais onde ocorrem estas descargas podem ter no desenvolvimento económico da região e na monitorização de vulcões activos.

 

Nos Açores, estas águas encontram-se disseminadas por quase todo o arquipélago, nomeadamente nas ilhas de São Miguel, Terceira, São Jorge, Pico, Faial, Graciosa e Flores, e correspondem na sua maioria a descargas de aquíferos de altitude em vulcões activos. Ocorrem maioritariamente na ilha de São Miguel, sobretudo a partir de nascentes contextualizadas no Vulcão das Furnas, onde brotam, principalmente, de produtos vulcânicos de natureza traquítica s.l.

 

As águas minerais açorianas apresentam características físico-químicas diversas em resultado dos vários fenómenos, mais ou menos complexos, aos quais estiveram sujeitas durante o seu percurso subterrâneo e que modificam a respectiva composição.

Observações


Anexos