Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/publicacoes. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/publicacoes. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:c8710f12-3c91-4864-870d-774e9a7148ee


Teses ► Mestrado

 

Referência Bibliográfica


PEREIRA, H. (2015) - Águas minerais em São Miguel (Açores): perceção pública da sua génese e ocorrência. Dissertação​ de Mestrado em Geologia do Ambiente e Sociedade, Departamento de Geociências, Universidade dos Açores, 133 p.

Resumo


​O Arquipélago dos Açores situa-se no Atlântico Norte e é constituído por 9 ilhas, localizadas numa vasta área de elevação submarina designada por Plataforma dos Açores. Esta região é caraterizada pela presença das Placas Litosféricas Norte-americana, Euroasiática, Europeia e Africana, conhecida como Junção Tripla dos Açores.
 
O Plano de Gestão de Recursos Hídricos da Região Autónoma dos Açores inventariou 1673 nascentes e 150 furos, sendo que São Miguel possui a maior parte das nascentes e a Graciosa possui a maior parte dos furos de captação.
 
Os pontos de água mineral de São Miguel distribuem-se do seguinte modo: 46 pontos de água mineral situam-se no Concelho da Povoação; 23 pontos no Concelho da Ribeira Grande; um ponto de água mineral situa-se no Concelho de Vila Franca do Campo e seis pontos situam-se no Concelho de Ponta Delgada. A Freguesia das Furnas possui 54% do total das águas minerais do Concelho da Povoação.
 
No que respeita à utilização das água minerais nos Açores, salienta-se a balneoterapia, para o tratamento de doenças reumáticas, de pele e de circulação sanguínea; o engarrafamento para consumo humano; a peloterapia, com uso de lamas das fumarolas para efeitos medicinais; monitorização hidrogeoquimica, para efeitos de prevenção sismovulcânica e a produção de energia geotérmica, nas Centrais Geotérmicas do Pico Vermelho e da Cachaço-Lombadas.
 
De modo a avaliar o conhecimento sobre a génese e ocorrência das águas minerais na Cidade da Ribeira Grande e na Freguesia das Furnas, realizou-se um inquérito à população.
 
Os resultados obtidos revelam que os inquiridos mais idosos mostram um excelente conhecimento dos usos dados às águas minerais no passado, embora seja incipiente a distinção entre as águas minerais e a da rede pública.
 
Tanto a população das Furnas como a da Ribeira Grande manifesta um maior conhecimento das águas existentes nas Furnas, visto que as possui em maior quantidade.
 
A poluição das mesmas é bem conhecida pela maior parte da população inquirida, bem como as regras que poderão ser impostas para a menorizar ou mitigar.
 
É elevado o nível de relacionamento pessoal com as águas minerais e com a localidade onde os inquiridos habitam.
 
O fraco conhecimento geral sobre as águas minerais da ilha de São Miguel e dos Açores, eventualmente fica a dever-se à pouca informação disponível e a uma divulgação insuficiente. Assim, é necessário uma maior sensibilização para as temáticas da água juntando a aquisição de novos conhecimentos às atividades de divertimento, de prazer, como seja algo tradicional e comum nas vidas das populações.

Observações


Anexos