Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:dc77e353-69b1-43f9-b4be-22e6c8a9bd55


Mundo ► Fenómenos Naturais

Erupção do Vulcão do Fogo (Foto: Jeremias Cabral)
02-12-2014 17:50
Cabo Verde
Escoadas lávicas já destruíram mais de 50 habitações

​Os últimos dados referentes à erupção do Vulcão do Fogo indicam que no seguimento do incremento de actividade verificado na madrugada desta terça-feira, dia 2 de Dezembro, mais de 50 casas já foram destruídas pelo avanço das escoadas lávicas sobre Portela. O lado norte da localidade encontra-se totalmente coberto, e as lavas  que progridem a uma velocidade de 9 m/h encontram-se agora a cerca de 30 metros das igrejas católica e adventista e a 70 metros da Adega Cooperativa. Estima-se que as lavas atingiram uma espessura de 5 metros à entrada de Portela e uma média de 7 a 8 metros antes da povoação. A seguir à adega, o terreno torna-se um pouco mais inclinado, pelo que a velocidade das escoadas lávicas pode aumentar novamente, temendo-se agora pela localidade de Bangaeira cuja população, à semelhança de Portela, já foi evacuada.

 

O Primeiro Ministro José Maria Neves indicou que no seguimento dos desenvolvimentos do dia de hoje, o Governo e o sistema de Protecção Civil vão reforçar as medidas de segurança no perímetro mais afectado.

 

Esta erupção já provocou muita destruição, contabilizando-se até ao momento como perdidos a sede do Parque Natural do Fogo, a Escola Básica Integrada, o Hotel Pedra Brabo, mais de 50 habitações, as estradas de acesso a Chã das Caldeiras, mais de 400 hectares de terreno, 26 dos quais terreno fértil para agricultura.

 

Os investigadores do CVARG/CIVISA, Jeremias Cabral e Vera Alfama, naturais de Cabo Verde, encontram-se na ilha do Fogo para acompanhar a erupção, integrando as equipas da Protecção Civil e da Universidade de Cabo Verde. O CVARG/CIVISA encontra-se a acompanhar o desenvolvimento da actividade eruptiva.



Fontes


A Semana
Lusa

Informação Relacionada


Imagens Adicionais


Anexos



Notícias Relacionadas


Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:dc77e353-69b1-43f9-b4be-22e6c8a9bd55
Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.