Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:321db0fd-9ae4-4751-bcc9-a9a53aaa6bcc


Mundo ► Fenómenos Naturais

Escoada lávica a progredir em direcção ao centro de Portela, destruindo infra-estruturas (Foto: João Relva/EPA in Observador)
02-12-2014 11:50
Cabo Verde
Escoadas lávicas destroem escola e hotel de Portela

Na madrugada de terça-feira, dia 2 de Dezembro, a erupção vulcânica que se iniciou no passado dia 23 de Novembro no Vulcão do Fogo voltou a intensificar-se. As escoadas lávicas que progrediam em direcção ao centro da localidade de Portela e que se encontravam praticamente estagnadas há cerca de 24 horas, voltaram a ser reactivadas e progrediram a uma velocidade de 2 metros a cada 12 minutos, destruindo a Escola Básica Integrada, o Hotel Pedra Brabo e várias habitações, revelou fonte da Protecção Civil em Chã das Caldeiras. No entanto, os últimos relatos indicavam uma velocidade de 2 a 3 m/h. A lava avança agora em direcção a outras casas. A seguir à escola, o terreno torna-se um pouco mais inclinado, pelo que a velocidade das escoadas lávicas pode aumentar novamente, temendo-se agora pela localidade de Bangaeira.

 

A presidente da comissão técnica e científica do Observatório Vulcanológico de Cabo Verde (OVCV) explicou à Lusa ao início da manhã de hoje que o fluxo de lava está sempre a ser alimentado e vai passando pelos tubos lávicos deixados pela lava anterior, ganhando velocidade. Sónia Silva adiantou ainda que a frente que levou a escola é muito comprida e larga, havendo o risco de nos próximos dias descer toda a ribeira. A geóloga explicou que a situação é sempre imprevisível mas se continuar com o mesmo nível de atividade é possível que nos próximos 10 dias a área coberta pela lava duplique.
 
Até novas ordens, em Chã das Caldeiras continuam alguns agentes da Protecção Civil e da Polícia Nacional, militares e Cruz Vermelha. Caso a situação venha a piorar, só conseguem sair a pé do local, pelo lado norte (Mosteiros).

 

Esta erupção já provocou muita destruição, contabilizando-se até ao momento como perdidos a sede do Parque Natural do Fogo, a Escola Básica Integrada, o Hotel Pedra Brabo, mais de duas dezenas de habitações, as estradas de acesso a Chã das Caldeiras, mais de 400 hectares de terreno, 26 dos quais terreno fértil para agricultura.

 

A queda de cinzas tem-se feito sentir nas zonas mais próximas de Chã das Caldeiras, sendo as zonas mais afectadas Cabeça Fundão e Achada Furna. Os campos de pastagens têm sido afectados, dificultando a alimentação dos animais, principalmente do gado caprino.

 

Os investigadores do CVARG/CIVISA, Jeremias Cabral e Vera Alfama, naturais de Cabo Verde, encontram-se na ilha do Fogo para acompanhar a erupção, integrando as equipas da Protecção Civil e da Universidade de Cabo Verde. O CVARG/CIVISA encontra-se a acompanhar o desenvolvimento da actividade eruptiva.



Fontes


Fogo News
Inforpress
Sapo.cv
A Nação
A Semana
Lusa

Informação Relacionada


Imagens Adicionais


Anexos



Notícias Relacionadas


Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:321db0fd-9ae4-4751-bcc9-a9a53aaa6bcc
Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://cvarg.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.